Sobre Simplicidade…

amanhecer

Meu quintal amanheceu – céu
leveza a se apaixonar
Nos pousos habituais,
somente por simplicidade.

Árvore boa a permitir
muitas demoras e encantamentos.
Ajeito algumas nuvens
Espero ver o sol,
gosto do sotaque do vento
Do rodopio sob o desenho de todas elas
afofo as folhas de Mellisa e Hortelã.
Preparo um chá, saboreio-te.

Minha incompletude vela 
diminutas afinações,
Tenho a maestria 
em aferir doçuras
Como prece ensina-me 
ter-te nas singelezas,
Amanhece-me céu
A permitir regar tuas esperanças.

(Fernanda Fraga, 17 – Abril -2016)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s